Adicional Noturno 2020: Regras CLT, Cálculo e Horário

Um dos direitos garantidos pela CLT aos trabalhadores é o receber o chamado Adicional Noturno, um adicional de 20% no valor da hora trabalhada em horários à partir das 22:00 As empresas são obrigadas a pagar o que a CLT chama de adicional noturno, que é uma forma de proteger o trabalhador contra uma possível exploração do contraente e ainda fazer com que essa prática não seja disseminada por todas as empresas, gerando uma despesa extra para as companhias que obrigam seus trabalhadores a atuar durante a madrugada.

Como Calcular o Adicional Noturno

Como Calcular o Adicional Noturno

Cálculo adicional Noturno

Por conta da quantidade cada vez maior de horas que um trabalhador deve exercer a sua função, muita gente tem sido obrigada a trabalhar em seus serviços, até ao anoitecer, para cumprir todas as obrigações solicitadas. Por conta disso, cresce as empresas que pagam adicional noturno para os seus trabalhadores.

✓ Saiba quem tem direito ao Seguro Desemprego 2020

Esse termo se refere ao pagamento extra que o trabalhador ganha, em cada hora praticada de serviço, no período que se estende entre as 22:00 h e as 5:00 h.

Como calcular adicional noturno

O adicional noturno corresponde à 20% do valor da hora trabalhada. Portanto:

  • Valor Hora Noturna = Valor por hora * 1,2

Exemplo:

Um trabalhador que ganhe R$ 3,65 por hora trabalhada em horário normal, em horário noturno recebe:

  • Valor Hora Noturna = R$ 3,65 * 1,2
  • Valor Hora Noturna = R$ 4,38

O Adicional noturno é muito pago para porteiros, seguranças de casas noturnas, garçons e outros trabalhadores, os quais, atuam em seus empregos durante o período da madrugada. Esse benefício acaba sendo um bônus que essas pessoas recebem, por atuar em um horário pouco usual e com prejuízos para o corpo.

Atenção: O cálculo acima se refere a maioria dos casos de pagamento do Adicional Noturno. A CLT, entretanto, garante o direito aos sindicatos da categoria de estabelecer valores de adicional noturno superiores a 20%.


Regras pela CLT

Para quem trabalha durante a madrugada e quer saber o quanto recebe a mais por conta disso, não existe um grande segredo para esse cálculo, pois, na própria Constituição Federal, tem em seu artigo 7º, a explicação que adicional noturno seja 20% maior em cima do valor hora que um trabalhador recebe diariamente.

Por exemplo, para o trabalhador que normalmente recebe um salário de 10 reais a hora, no adicional noturno, vai ganhar 12 reais a hora, o que, em um mês, acaba sendo um bônus de R$ 360,00, pelo trabalho exercido durante a noite.

✓ Dúvidas sobre a CLT? Confira os benefícios:

Essa base acaba tendo como determinação a Constituição Federal, então, não existe uma maneira do trabalhador não saber quanto irá ganhar a mais por mês, com esse trabalho sendo realizado durante a noite.

Basta pegar as horas trabalhadas durante um mês dividir pelo salário ganhar e adicionar 20% desse valor em cima do rendimento bruto mensal.


Horário de adicional noturno

Para quem deseja receber o adicional noturno, terá que trabalhar das 22:00 até as 05:00, período no qual esse programa é valido e até mesmo registrado perante as leis. Esse é o período determinado pelo próprio Governo, que o adicional noturno tem validade.

DESSA FORMA:

Uma jornada de trabalho que se passe entre às 22:00 e as 05:00 possui 7 horas de duração, mas por se passar em horário noturno, totaliza 8 horas noturnas trabalhadas.


Hora noturna

A hora noturna pode ser considerada o período de tempo que os trabalhadores tiveram durante a madrugada, sendo que, o valor pago por essa hora noturna, é 20% maior do que o salário de uma hora normal.

1 hora noturna = 52 ½ minutos trabalhados à noite

Assim, por conta da crise que o Brasil atravessa, muitos trabalhadores querem exercer esse horário noturno, para poderem aumentar um pouco as suas rendas.

Leave a Reply